terça-feira, 15 de abril de 2008

1984 na FEUP



dia 15 | 18 horas | sala B001

5 comentários:

Anónimo disse...

Ainda falámos do livro há poucos dias. O nosso ano! Grandioso mesmo! Se não fosse o Lucho na FNAC, depois das tertúlias da Lúcia :D, ia até á sala B001. Sendo assim, é mais um para a lista (para juntar ao comboio deles que tenciono ver). Mas hoje vai ser giro porque em vez do cinema com cheiro a pipocas, temos cinema com cheiro a panikes mistos! ^_^

Boa sessão.

menina limão disse...

1984 é um dos meus livros preferidos. é também um bom filme.

scavenger disse...

zé: a sala a nível de cheiros estava limpa, o problema mesmo foi a poluição sonora da sala ao lado onde as chocas/badalhocas do coral estavam a ensaiar. acredita que ver cenas de tortura com aqueles sonoros agudizou a experiência de ver cinema naquelas cadeiras e tornou a tortura quase real

limão: o livro também é um dos meus preferidos. aliás toda as pessoas que o leram dizem estar no top de preferências o que se calhar aprova a qualidade do mesmo. quanto ao filme, dentro do género (tendo em conta que detestei o vendetta) pareceu-me bastante aceitável, se bem que o realizador se tenha dado a algumas liberdades na alteração de algumas partes para mim importantes no argumento e tenha abordado algumas partes com alguma leveza. a fotografia essa sim é brilhante. e ter o richard burton e o john hurt no mesmo filme é sempre uma grande mais valia. *

Anónimo disse...

Imagina tu como seria se estivesse a decorrer, ali mesmo em frente, o campeonato mais espectacular da faculdade nos dias que correm! Ias gramar também com os kids do PES a gritar golo! E olha que ali em meia-hora são sempre para mais de cinco... :D

Anónimo disse...

Obrigado.

PS: Verificação de palavras?!